Bissexualidade em mulheres não é passageira


Olá pessoal

Como não tenho tido muito tempo hoje trago mais uma notícia que me pareceu interessante:

Bissexualidade em mulheres não é passageira

A bissexualidade entre as mulheres não é apenas uma fase transitória, segundo um estudo da Universidade de Utah, que acompanhou 79 mulheres não heterossexuais durante dez anos.

A pesquisa, dirigida por Lisa Diamond, da Universidade de Utah, e publicada pela revista Developmental Psychology, da Associação de Psicologia dos Estados Unidos, descobriu que as mulheres bissexuais continuam sentindo-se atraídas por ambos os sexos ao longo do tempo.

Diamond é autora do livro Sexual Fluidity que descreve a prática de muitas mulheres que têm relações heterossexuais e homossexuais de forma simultânea ou alternada.

Segundo ela, duas em cada três mulheres entrevistadas em seu estudo tinham mudado sua preferência sexual pelo menos uma vez.

“Muito disto tem a ver com o fato de que até as mulheres com orientação lésbica freqüentemente se sentem atraídas por homens”, explicou Diamond.

“Algumas mulheres dizem: `não se pode chamar de lésbica alguém que sai com um homem´, apesar de essa ser a melhor descrição da situação”. E por isso deixam de ser catalogadas totalmente”, acrescentou.

Uma das mulheres entrevistadas por Diamond, Sheila, primeiro se identificou como bissexual, dois anos depois disse que se sentia atraída por mulheres, mais tarde ficou noiva de um homem, e mais adiante decidiu que queria ficar com mulheres.

“Nossas conclusões demonstram que a diferença entre lesbianismo e bissexualidade é mais um assunto de grau que de substância”, indicou a autora do estudo.

A pesquisa das orientações sexuais teve “avanços significativos nos últimos 20 anos, mas uma área continua muito mal investigada, a bissexualidade”, disse Diamond.

Em parte, o problema é a definição de bissexualidade, já que muitos pesquisadores e leigos vêem essa opção como um padrão de resposta erótica a ambos os sexos.

“Mas até este conceito amplo deixa muitas perguntas sem resposta”, ressaltou Diamond.

“Qualquer instância passageira de atração por uma pessoa do mesmo sexo conta, ou os bissexuais devem experimentar atrações regulares, fortes e sustentadas por pessoas dos dois sexos?”, questiona.”

Tirado de http://www.tecnocientista.info/nd.asp?cod=6366

Abraços e beijinhos a todos

Artigo anterior
Deixe um comentário

1 Comentário

  1. Lovely Miss D

     /  05/02/2008

    sim, é um bichinho que cá fica! Ahahahah!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: