Sensibilidade anal masculina

Abordar sobre este tema não é nada fácil, relutamos muito em atendermos aos pedidos de alguns dos visitantes do nosso site sobre isso, afinal esse é um dos maiores tabus no mundo masculino, admitir mesmo que seja para a parceira que sente prazer nessa área vai de encontro ao medo de colocar a sua masculinidade a prova. Até onde o homem pode sentir prazer nesta região, que não comprometa com a sua masculinidade?
É muito comum em grupos de mulheres o comentário sobre a bunda do homem, isso demonstra que a mulher também pode ter fantasias em relação a bunda masculina, todos sabem da preferência nacional, a bunda feminina é objeto de desejo da maioria dos homens, uma recente pesquisa realizada por um importante instituto de pesquisas revelou que a bunda é ainda a parte do corpo feminino preferida por 78% dos homens, até pouco tempo o sexo anal era assunto do momento, nos primeiros relacionamentos adolescentes, os homens exercem uma certa pressão sobre suas namoradas para conseguirem obter a realização dessa fantasia, muitos encaram o sexo anal como ter de sua companheira um estado de entrega total, a quem diga que o sexo anal é mais prazeroso pela pressão muscular que o ânus exerce sobre o pênis.
Antes de mais nada, todo tipo de prática sexual deve ser consentida e não uma imposição, mas e a mulher, ela pode desejar ter de seu companheiro essa entrega? É perfeitamente natural ela ter esse tipo de entrega de seu companheiro, a região anal é repleta de terminais nervosos tornando-o extremamente sensível. Do mesmo modo que a pratica sexual seja o desejo da maioria dos homens, muitas mulheres tem desejos de tocar, lamber ou mesmo de penetrar o dedo em seu companheiro, esse desejo tem haver com fantasias e de proporcionar ao seu parceiro estímulos sexuais de prazer, a entrega do homem nesses momentos podem ser descritos como confiança e cumplicidade entre ambos. O que acontece é que a maioria dos homens tem vergonha de confessar essa particularidade, motivo pelo qual ela parece ser tão incomum. Na verdade, o número de homens que se excita com a estimulação do ânus é muito grande. Nossa cultura extremamente machista confunde prazer anal com homossexualidade.
Por isso, ao sentir prazer no toque anal, os homens ficam constrangidos. Entre mulheres, é perfeitamente natural a abordagem sobre a pratica do sexo anal, essa abordagem é uma ajuda a mais sobre as duvidas que muitas tem, demos lembrar que o conceito de que mulheres que praticam sexo anal é um ato exclusivo de prostitutas caiu em desuso há muito, ao contrário, os homens não se sentem a vontade de discutir com outro homem sobre isso, por isso os homens relutam muito sobre esse tema.
O prazer anal pode ser encarado como uma pratica heterossexual, a de se saber que o desejo homossexual resume a principio no desejo de uma pratica sexual com parceiros do mesmo sexo, tanto para homens como mulheres. Homens que se deixam tocar por suas parceiras e principalmente sentir prazer não podem ser tachados como homossexuais enrustidos, deixar receber a estimulação anal deve ser de fórum intimo, devendo a cada individuo permitir ou não, bem como a mulher deve sentir-se a vontade para tal pratica, a imposição pode ser desastrosa à ambos.
Devemos salientar que toda pratica sexual deve ser amplamente discutida entre os praticantes e assim, em comum acordo, coloca-las em pratica, o constrangimento pode ser encarado como normal mas nunca como uma barreira intransponível. No sexo oral, muitas mulheres tem por habito lamber seus parceiros na região escrotal, isso na maioria das vezes trás um grande prazer aos seus parceiros, essa pratica pode ser o caminho para o annilingus (ato de lamber ou chupar o ânus), bem como acariciar levemente o ânus de seu parceiro pode despertar prazeres até em tão desconhecidos. Todos nós (homens e mulheres) temos em nosso corpo regiões que, quando tocadas adequadamente, nos excitam. Tais regiões, denominadas de “áreas erógenas”, distribuem-se diferentemente de pessoa para pessoa. O ânus, independentemente da orientação sexual do homem, pode ser uma dessas áreas erógenas. Isso não tem nada a ver com “tendências homossexuais”, nem nada que o valha. Cabe a ambos discutirem claramente isso entre si, sem fazer mistérios inúteis e, se julgar necessário, façam uma consulta de orientação com algum profissional habilitado. Fiquem tranquilos, porque não há nada de errado nessa pratica. O importante é sempre manter toda descoberta como uma pratica aceitável entre ambos.
Silvio e Claudia – Webmasters.
Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: